Querendo ver outros blogs meus consultar a Teia dos meus blogs

terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Gioconda-Suicídio

Eliane Coelho é provavelmente o nome mais consistente da cena brasileira, embora o êxito mediático de algumas jovens como Carmen Monarch, pareça destituir Eliane do seu lugar, não me espantando que a maioria das pessoa conheça melhor Carmen.
Não sendo uma debutante, contando actualmente 55 anos esta antiga estudante de arquitectura veio para a Alemanha para se aperfeiçoar e pela Europa (desde 1991 em Viena) onde se tem mantido nas suas actuações sem descurar aparições pontuais no seu País, como é o caso deste vídeo cantado em São Paulo em 2006 a ária "Suicídio" da Gioconda de Amilcare Ponchielli.
Uma ária do IV acto desta ópera com libretto de Arrigo Boito, muito exigente para a intérprete.
Esta ópera foi estreada no Scala em Milão em 1876 e na noite da estreia com a presença do autor, foi chamado à cena mais de 30 vezes para receber os aplausos do público.
Este papel de Gioconda foi cantado na estreia por Teresa Brambilla, mulher de Ponchielli.

Sem comentários: