Querendo ver outros blogs meus consultar a Teia dos meus blogs

domingo, 26 de julho de 2009

Boris Godunov-1º acto(2ªParte)

1º Acto-I Cena

Grigori Otrepiev um jovem monge que dorme na mesma cela, acorda dum pesadelo e pede Pimen a benção enquanto os monges continuam a rezar. Grigori conta o seu pesadelo. Sonhava que caía duma alta torre de Moscovo enquanto a multidão gritava o apontava zombando dele.
Pimen conta-lhe o que está escrevendo, narra-lhe o assassinato do jovem príncipe Dimitri, filho do último czar, que foi usurpado do poder por Boris Godunov.
Constatando que o jovem Dimitri teria exactamente a sua idade se fosse vivo, Grigori esboça um plano para derrubar Godunov.

1ºActo-II cena

Numa estalagem na fronteira com a Lituania, enquanto trabalha a estalajadeira canta uma canção amorosa protagonizada por um pato. É interronpida pela chegada de dois monges Missail e Varlaam, que aparecem seguido por Grigori, que trocou as suas vestes pelas dum camponês.

Varlaam pergunta a Grigori porque está tão pensativo, já que estando na fronteira com a Lituânia, onde ele queria estar, deveria estar mais contente.
Grigori responde que só depois de lá chegar ficará tranquilo.
Varlaam não entende porque tem ele tato amor à Lituânia, pois

desde que fugimos do mosteiro
não temos problemas
Seja a LItuânia seja a Rússia
tanto nos faz
dsde que haja vinho a rodos,
E já cá está o vinho.




1 comentário:

☆ Sandra C. disse...

muito bacana.
eu gosto de quando comentas o teatro, e agora as letras.
me sinto dentro da peça!