Querendo ver outros blogs meus consultar a Teia dos meus blogs

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Anna Moffo-3ºparte

No fim da década de 1950, ela gravou Susanna de Le nozze di Figaro de Wolfgang Amadeus Mozart, ao lado de Elisabeth Schwarzkopf e Giuseppe Taddei, conduzidos por Carlo Maria Giulini.

  • Aqui canta com Canzonetta sull aria com Elisabeth Schwarzkopf



Moffo também foi convidada a apresentar-se na Ópera de São Francisco, onde ela fez sua estreia como Amina de La sonnambula, em primeiro de Outubro de 1960.


Fez sua estreia no Royal Opera House em Londres, como Gilda, em uma produção da ópera Rigoletto de Franco Zeffirelli, em 1964.

  • Caro nome uma ária do Rigoletto



Moffo tinha uma popularidade particular na Itália e apresentava-se lá regularmente. Ela era a apresentadora do programa semanal na televisão italiana "The Anna Moffo Show", que foi ao ar de 1960 até 1973 e assim ela foi eleita uma das dez mulheres mais bonitas na Itália.

Ela apareceu nos filmes das óperas La traviata (1968) e Lucia di Lammermoor (1971), ambos conduzidos pelo seu marido Mario Lanfranchi, como em outros filmes não-operísticos.

  • Lucia de Lammermoor-Cena da loucura-1ºparte



  • Lucia de Lammermoor-Cena da loucura-2ºparte



Com os trabalhos que exigiam muito da voz e sua exaustão psicológica, Moffo sofreu um grande prejuízo na sua voz em 1974, que nunca se recuperou. Assim ela teve que se aposentar em 1976, aparecendo-se esporadicamente.

Sua última performance em uma ópera foi no Metropolitan Opera House em 1983, nas celebrações do centenário da casa, onde ela cantou a música "Will You Remember?" de Sigmun Romberg com o barítono Robert Merrill.



Moffo foi casada duas vezes. O primeiro casamento foi com o director Mario Lanfranchi, que aconteceu em 8 de dezembro de 1957. O casal se divorciou em 1972. Seu segundo casamento foi com o executivo da RCA, Robert Sarnoff, no dia 14 de novembro de 1974. Sarnoff morreu dia 22 de fevereiro de 1997.

Anna Moffo passou seus últimos anos de vida em Nova Iorque, onde ela morreu aos 73 anos de idade, após uma longa década de luta contra um cancro de mama, em 2006.

Sem comentários: